Como manter o ar que você respira puro e livre de poluentes

É fato: nós gastamos 90% de nosso tempo em ambientes fechados, mas o ar interno pode ser cinco vezes mais sujo do que o exterior. Todos nós queremos respirar um ar limpo e fresco – especialmente em nossas próprias casas. No entanto, esse ar pode ser preenchido com poluentes químicos de purificadores de ar, itens de cuidados pessoais e muito mais. Aqui estão cinco coisas que você deve saber para manter tudo em ordem.

 

  1. Você normalmente não pensa neles como “produtos químicos”, mas até mesmo a pintura e carpete poluem seu ar. Isso também é verdade em coisas como purificadores, produtos de higiene pessoal, cola e plásticos. Todas essas coisas sujam o ar e se as concentrações se tornarem suficientemente elevadas, podem provocar náuseas e dores de cabeça, além de irritação ocular e nasal.
  2. Em muitas regiões do Brasil, principalmente nas mais frias, casas, pousadas, hotéis e chalés contam com lareiras. Por isso, vale a pena questionar: é o fulgor bonito da chaminé que o está fazendo sonolento ou o dióxido de carbono que produz? Tudo, desde o simples ato de respirar perto de a velas e da lareira, adiciona dióxido de carbono ao ar, assim como qualquer outro combustível.
  3. Um estudo conduzido por Harvard, pela Universidade de Syracuse e a Universidade Médica de SUNY Upstate mostrou que a qualidade ambiental interna melhorada dobrou as contagens cognitivas em testes com pacientes. O ar limpo é bom para nossos corpos e nossas mentes.
  4. Novos sistemas de ventilação não necessitam de canalização separada, podem simplesmente ser conectados a uma fornalha ou dutos existentes e seu tamanho reduzido torna mais fácil e menos cara a instalação, trocando o ar interno pelo externo ao recapturar a energia.
  5. Um ventilador pode ser um grande aliado aos sistemas de aquecimento e condicionamento de ar, ajudando a reduzir a umidade interna, fornecendo assim ar fresco. Além disso, por controlar a umidade, pode reduzir a energia necessária para os outros utilização de outros equipamentos.

Acabamos de encerrar a 21ª edição da Febrava com muitos negócios realizados e conhecimentos compartilhados. O próximo evento acontece daqui dois anos, mas continue nos acompanhando para conferir as novidades do setor que podem te ajudar a renovar seus negócios, se atualizar e conhecer as principais tendências.

Assine a newsletter da Febrava!
Facebook Comments

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here